18/04/2013 12:28

Allianz deve batizar arena do Palmeiras

Dois dias após morte de operário em obras no estádio, empresa alemã anuncia negociação com a WTorre


Obras na Nova Arena, que deverá se chamar Allianz Arena Brasil / Diogo Moreina/Folhapress


A empresa de seguros Allianz está muito próxima de fechar negociação para batizar o futuro estádio do Palmeiras. A informação foi confirmada pela própria assessoria do grupo alemão. Os valores da venda dos “naming rigths” (direito sobre o nome) e o tempo do acordo não foram divulgados.“A Allianz Seguros informa que está em fase de negociações avançadas com a WTorre para ter o direito de nomear a Nova Arena Palestra com a marca Allianz”, afirma trecho do comunicado da empresa.

As obras do novo estádio alviverde, no entanto, seguem paralisadas após a morte do operário Carlos de Jesus, de 34 anos, na última segunda-feira.

A previsão era de que as atividades fossem retomadas ontem, fato que não ocorreu.  O motivo ainda não foi informado pela WTorre, empresa responsável pela construção da arena.

Depois do acidente, apenas o setor onde caíram as vigas que ocasionaram a morte do operário foi interditado pela Defesa Civil. O desabamento  ocorreu no local no qual é mantida uma parte da arquibancada do antigo Palestra Itália. O clube só possui alvará de reforma, por isso, não pôde remover totalmente a estrutura anterior.

Não há previsão para o reíncio dos trabalhos. Nem a WTorre nem o Palmeiras voltaram a se pronunciar sobre o assunto. A empresa também não se manifestou a respeito do pedido do Ministério Público, que exige a assinatura de um Termo de Ajustamento de Conduta, que inclui o pagamento de  indenização por dano moral coletivo.

Além da morte do funcionário, o documento do órgão se refere a outras irregularidades apontadas no local. Caso a empresa se recuse a assinar, o MP promete acionar a Justiça.  


Compartilhe: