Diário de S. Paulo

11/01/2018 - 20:34

Santos goleia Portuguesa Santista em jogo-treino

No primeiro teste sob o comando de Jair Ventura, novo técnico esboça time com Vecchio e Rodrigão, mas faz testes

Foto: Ivan Storti/Santos

Placar de 8 a 1 e algumas dicas a respeito da cara que o Santos deverá ter na gestão Jair Ventura. Nesta quinta-feira (11), o técnico comandou o primeiro jogo-treino pelo Peixe nesta temporada e goleou a Portuguesa Santista, pelo placar acima. O comandante do Alvinegro praiano se manteve fiel ao que vinha fazendo nos últimos treinos da equipe.

No meio-campo, colocou Vecchio na vaga que, até a temporada passada, pertencia a Lucas Lima, atualmente no Palmeiras. Na frente, Rodrigão foi o substituto de Ricardo Oliveira, que foi para o Atlético-MG. Assim, a formação titular foi Vanderlei; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, David Braz e Romário; Renato, Alison e Vecchio; Copete, Bruno Henrique e Rodrigão.

Recém-contratado, Eduardo Sacha não participou da atividade e fez apenas trabalho físico. O atacante, emprestado pelo Internacional até o fim da temporada, começou a treinar com o time na última quarta-feira. Mesmo assim, ele é o favorito para desbancar Rodrigão pela vaga que pertenceu a Oliveira.

Outra dúvida na frente é Copete. O colombiano foi sondado por outros clubes e chegou até mesmo a acertar salários para se transferir ao Atlético-MG. O Galo, porém, ainda não apresentou proposta ao Peixe e o novo técnico não manifestou interesse em se desfazer do atacante.

A diretoria santista ainda está em busca de outros reforços. A prioridade, no momento, é um nome para atuar no meio-campo, como meia de armação. Porém, o reforço pode não chegar em tempo para o Paulistão.

Enquanto aguarda uma definição, Jair Ventura faz testes para encontrar a melhor formação com as peças que tem atualmente. Por isso, ontem, o treinador aproveitou o jogo-treino para mexer bastante no time em campo.

Dividido em três tempos de 45 minutos cada, o jogo foi disputado sem a presença de jornalistas e não houve divulgação de detalhes sobre a formação dos times. Mas os algozes do elenco da Briosa, equipe que vai disputar a Série A3 do Paulistão, foram Bruno Henrique, Vecchio, Diego Cardoso, Yuri Alberto, Yuri, Rafael Longuine e Rodrygo, que balançou a rede duas vezes. Com apenas 17 anos, ele, assim como Yuri Alberto, que tem um ano a menos, foram promovidos ao time adulto no fim do ano passado, mas têm poucas chances de serem titulares neste estadual.

O Santos estreará no Paulistão no próximo dia 17. O Peixe vai enfrentar o Linense, no interior paulista, em Lins.

De volta, Cleber faz planos para reconquistar espaço

De volta ao Peixe após ter disputado o último Brasileirão emprestado ao Coritiba, o zagueiro Cleber está confiante em reconquistar espaço no grupo.

"Tive uma boa sequência como titular no Coritiba. Foi muito importante para mim. Agora, espero ter mais oportunidades no Santos, para mostrar o mesmo trabalho que apresentei lá", disse.

Na Vila Belmiro, ele elogiou o bom clima entre os jogadores.

"É importante rever os amigos. Alguns companheiros estavam emprestados, também, como o Rodrigão (centroavante), e nos reencontramos nos últimos dias. Nós brincamos bastante fora de campo. Mas, lá dentro, trabalhamos bastante", ressaltou, empolgado, o zagueiro.


Compartilhe: