Diário de S. Paulo

25/12/2017 - 17:59

Detento_ 'Devolveu' a tornozeleira

Foto: /Reprodução

Uma tornozeleira eletrônica foi deixada numa delegacia de Gurupi, sul do Tocantins, junto a um bilhete com o nome do preso e o motivo de ele ter violado as regras de monitoramento. A mensagem diz que ele viajou para passar o Natal e o Ano Novo com a família. A Secretaria de Cidadania e Justiça informou que a tornozeleira estava com o preso Leandro Dias Sousa desde o dia 30 de novembro. Ele tinha sido preso por furto, mas estava cumprindo a pena em regime domiciliar, após decisão judicial. Não é possível dizer se foi o próprio Leandro ou outra pessoa que deixou o equipamento no local. O bilhete é endereçado a um tal de Lázaro: "Para o Lázaro. Tornozeleira do ex-reeducando Leandro Dias (setor Jardim dos Buritis). Ele viajou, foi passar o Natal e o Ano Novo com a família e trabalhar também". Ainda segundo a secretaria, um relatório de violação será feito e o preso pode perder o benefício da prisão domiciliar.


Compartilhe: