Diário de S. Paulo

10/10/2017 - 17:35

Pênaltis e bolas paradas no CT

Jogadores estão concentrados desde a última segunda-feira e realizaram ontem, sem a presença da imprensa, a última atividade para enfrentar o Atlético-MG, em Belo Horizonte, hoje, às 21h45, em Minas

Foto:

Um trabalho de bola parada, incluindo cobranças de pênaltis, encerrou a preparação do São Paulo para enfrentar o Atlético-MG, hoje, às 21h45, no Independência, em Minas Gerais. A atividade no CT da Barra Funda foi realizada sem a presença da imprensa e, na sequência, a delegação viajou para Belo Horizonte.

O clube informou que o treino começou com Dorival retomando uma descontraída atividade já realizada nas últimas semanas: o elenco é dividido em dois times e, após o lançamento dos goleiros, os jogadores trocam passes sem deixar a bola cair no chão até que ela chegue à linha de fundo e seja alçada para o cabeceio na grande área.

O exercício técnico começou com a prática de finalizações, cobranças de falta e de pênaltis. Somente os titulares realizaram esse treinamento, enquanto os reservas faziam outro trabalho em campo reduzido. Depois, o grupo, concentrado desde segunda-feira, embarcou para Minas.

Dorival Júnior já confirmou a escalação com: Sidão; Militão, Bruno Alves, Rodrigo Caio e Júnior Tavares; Petros e Hernanes; Marcos Guilherme, Jonatan Gomez e Lucas Fernandes; Pratto. São três mudanças em relação ao time que venceu o Sport, na última rodada, e tirou o clube da zona de rebaixamento.

O técnico não poderá contar com Arboleda e Cueva, que atuaram na noite de ontem por Equador e Peru, respectivamente, e escolheu Bruno Alves e Jonatan Gomez para suas posições. O lateral-esquerdo Júnior Tavares volta no lugar de Edimar. Na zaga, Rodrigo Caio tem chances de se encontrar com a delegação e estar em campo ainda hoje.


Compartilhe: