Diário de S. Paulo

08/10/2017 - 15:33

Santos planeja gastar menos em 2018

Peixe define perfil de reforços para 2018 e já estuda opções para as contratações

Por: Ana Canhedo
[email protected]

Foto: /Fábio Leoni/PontePress

A eleição presidencial, marcada para o dia 9 de dezembro, não deve interromper o planejamento do Santos para a próxima temporada. Candidato à reeleição no clube alvinegro, Modesto Roma Júnior já traçou um perfil dos reforços que o clube pretende contratar.

Ao que tudo indica, a postura santista será bem diferente da adotada nesta temporada, quando o Peixe gastou cerca de R$ 20 milhões para contratar nomes como o atacante Bruno Henrique e o zagueiro Cleber, atualmente emprestado ao Coritiba e com retorno previsto para janeiro.

Desta vez, o Santos se interessa por jogadores que estejam em fim de contrato com outros clubes, facilitando um acerto sem custos. Entre as opções que já despertam interesse esta o lateral-direito Nino Paraíba (foto), cujo contrato com a Ponte Preta termina em dezembro. O jogador de 31 anos estaria livre para acertar apenas salários com o time da Baixada Santista.

Durante o evento de lançamento de sua candidatura à reeleição, Modesto classificou Paraíba como um "atleta interessante". Outro que se encaixa exatamente no perfil buscado pela diretoria é Robinho. O atacante tem contrato com o Atlético-MG até dezembro. Sua situação está sendo monitorada pelo Alvinegro Praiano.

A situação do camisa 7, porém, ainda é complicada. Afinal, Robinho exigiria do Santos um esforço financeiro relevante na questão de salários, porque o teto salarial do clube gira em torno dos R$ 200 mil. Apenas o capitão Ricardo Oliveira e o meia Lucas Lima ganham acima disso.

Outros nomes/ Além de Nino Paraíba e Robinho, o Santos também busca reforços para o meio campo e mais um nome para o ataque. Por isso, o clube está atento à situação de outros atletas.

Zé Rafael, do Bahia, é um dos que mais interessa. O jovem, de 24 anos, tem recebido inúmeras sondagens, inclusive do Corinthians. Carrasco na Libertadores, Jonathan Álvez, do Barcelona-EQU, é outra opção.


Compartilhe: