Diário de S. Paulo

29/08/2017 - 17:21

Prefeitura sorteia apartamentos do 'Minha Casa, Minha Vida'

Imóveis haviam sido invadidos e, após reintegrações de posse e recadastramento, foram retomados. Chaves devem ser entregues no ano que vem

Por: Alex Pinheiro
[email protected]

Foto: Nelson Coelho/Diario SP

Emoção e alívio. Estes são os sentimentos de milhares de pessoas durante sorteio de 1.680 apartamentos populares realizado nesta terça-feira (29), em Suzano, na Grande São Paulo. Os conjuntos habitacionais fazem parte do programa federal Minha Casa, Minha Vida e contempla moradores que passaram por recadastramento realizado pela gestão local .

O sorteio foi feito entre 3.787 pessoas que preenchiam os critérios exigidos pelo programa. A entrega das unidades deve ocorrer no fim do ano que vem, segundo o secretário municipal de Planejamento Urbano e Habitação, Elvis José Vieira.

"Hoje é um dia histórico para a cidade. Garantir às pessoas o direito de moradia, conforme a Constituição, de uma forma digna, transparente", disse o titular da pasta.

Laudenice Maria dos Santos, de 60 anos, foi a primeira contemplada do dia.

"Não tenho nem palavras. Estou aqui, eu e Deus, nem dormi direito a noite passada, mas tinha certeza que ia conseguir", disse ela, que mora em Suzano há 31 anos. "Estou desempregada, pago aluguel, e agora terei minha própria casa. Estou muito feliz."

"Suzano tinha em torno de 18 mil pessoas cadastradas no programa, números bem antigos. Foi feito uma parceria entre prefeitura, Ministério Público, Caixa Econômica Federal e entidades ligadas aos movimentos de moradia. Depois, foi feita uma atualização dessa lista, chegando ao número atual de pessoas aptas para o sorteio", disse o prefeito Rodrigo Ashiuchi (PR).

Este ano foram feitas cinco reintegrações de posse na cidade. "O sorteio é totalmente transparente, que não leva em consideração somente a sorte, e sim fatores importantes, de acordo com a lei, como classe social, renda familiar, número de pessoas na família", reforçou Ashiuchi.

SORTEADAS/ Outra moradora que ganhou uma moradia do programa foi Ivone Ferreira de França, 39. "Espero por esse momento desde 2009. A partir de agora terei um teto para ficar", disse. "Eu moro num lugar invadido, ano passado já tive problemas com desocupação, foi um sufoco."

"Estou tão contente. Agradeço a Deus. Já morei na rua e hoje estou num abrigo. É o melhor dia da minha vida", definiu Ana de Souza Ferraz, 60, que ganhou um apartamento no condomínio Nova América, um dos quatro conjuntos retomados.

A família do casal Andreia Mara Santana e Rogério Santana também estava em festa. Acompanhados do filho Natan, de 6 anos, vibraram muito com o anúncio de Andreia como uma das sorteadas. "Há 18 anos esperamos por essa oportunidade. Sempre pagamos aluguel e, com certeza, hoje é um dos dias mais felizes de nossas vidas."

A felicidade de Claudia Aparecida Honório Pereira, 52, era em dobro. O evento foi no dia do seu aniversário, e como presente, ganhou uma das unidades. "Desta vez saiu. Nunca perdi a esperança", contou Claudia,. "Moro aqui há 28 anos. Hoje era meu dia."


Compartilhe: