Diário de S. Paulo

11/08/2017 - 17:28

Estudante de 15 anos é morto a caminho da escola

Adolescente foi abordado por bandido que atirou nas costas do rapaz. Ele morreu na hora e teve carteira e celular roubados. Também ontem, guarda-civil foi executado na frente da mulher por ladrões em moto

Por: Alex Pinheiro
[email protected]

Foto: /Reprodução

O estudante Vinicius de Lima Vilela, de 15 anos, morreu baleado na manhã desta sexta-feira (11), em São Bernardo do Campo, no ABC paulista, depois de um assalto na Rua Caminho da Educação, esquina com a Rua Operário Luis Pedro Magalhães, no bairro Vila Ferreira.

De acordo com a irmã da vítima, Viviane de Lima Vilela, o adolescente estava a caminho da Escola Estadual Professora Maria Osório Teixeira. No trajeto, foi abordado por um suspeito e baleado nas costas. O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) constatou a morte do adolescente no local.

Segundo informações do boletim de ocorrência, a carteira do estudante e alguns pertences dele foram levados pelo suspeito. O caso foi registrado pelo 3º DP (São Bernardo do Campo) como roubo e violência resultado em morte, e conduzido ao 8º DP, na mesma região, responsável pela área dos fatos.

Capital/ Também nesta sexta, o agente Marcio da Silva, de 45 anos, da GCM (Guarda Civil Municipal), foi morto na frente da mulher durante um assalto. O crime ocorreu no bairro Rio Pequeno, Zona Oeste da capital paulista.

De acordo com a SSP (Secretaria de Segurança Pública), duas motos com quatro suspeitos abordaram o motorista, que estava parado num semáforo, na Rua Conde Luiz Eduardo Matarazzo, acompanhado de sua mulher, de 35 anos.

Os bandidos anunciaram o roubo e tentaram abrir a porta do passageiro, mas foram impedidos pela mulher do guarda-civil.

Em seguida, atiraram contra o veículo. O GCM revidou, atingindo um deles. Após a ação, Marcio acelerou o carro e colidiu contra um muro, sendo novamente alvejado pelos bandidos. A mulher não foi atingida pelos disparos.

A Polícia Militar e a GCM foram acionadas para atender a ocorrência. Marcio chegou a ser socorrido ao Hospital Universitário, mas não resistiu aos ferimentos. Uma motocicleta Yamaha, roubada, foi encontrada no local do crime. 

Um dos suspeitos, de 17 anos foi ferido e apreendido. Ele permanecia internado, ontem, sob escolta policial. A mulher de Marcio reconheceu o adolescente como um dos autores do atentado.

Outros três suspeitos não haviam sido capturados até o fechamento desta página. O caso foi registrado como homicídio qualificado, apreensão de veículo e ato infracional de homicídio qualificado pelo 93º DP (Jaguaré), onde será investigado.

INTERIOR/ Em São Roque, na região de Sorocaba, interior paulista, o corretor de imóveis Daniel Gonçalves Dias, de 35 anos, foi assassinado a tiros na noite de quinta-feira. A polícia foi acionada após um morador ter ouvido tiros. Ao chegarem no local, uma área rural, encontraram a vítima baleada dentro de um carro.

Daniel estava atendendo a um chamado do aplicativo Uber, onde trabalhava como motorista para complementar a renda. Ele chegou a ser levado para a Santa Casa da cidade, mas não resistiu aos ferimentos. Foi solicitado perícia para o caso, registrado como homicídio simples, na delegacia local. Até o fechamento desta edição, nenhum suspeito havia sido detido.

Estatísticas/  Em julho, a SSP divulgou números que mostram um aumento de 37% nos casos de latrocínio, somente na capital, no primeiro semestre. Em 2016 foram 54 casos e no mesmo período deste ano, 74. Em todo o estado, a alta foi de 25%.


Compartilhe: