Diário de S. Paulo

19/04/2017 - 15:44

Leco agradece confiança e nomeia Raí

Foto: c/Erico Leonan/São Paulo

Reeleito presidente do São Paulo na noite da última terça-feira (18), ao derrotar José Eduardo Mesquita Pimenta, por 124 a 101 votos, Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, agradeceu a confiança dos conselheiros ao o escolherem para ser o mandatário do Tricolor até dezembro de 2020. O cartola, que já estava no comando após a renúncia de Carlos Miguel Aidar, se lembrou de que o seu mandato começa, de fato, apenas agora.

"Estou imensamente feliz por ter conquistado o meu mandato próprio. Esse mandato foi conquistado à luz de uma trajetória, de uma história, de um trabalho de um ano e meio de cuidar dessa fantástica máquina que é o São Paulo, em toda a sua grandeza. Vocês não imaginam o que foi essa campanha. Nós vimos coisas impensáveis e desconhecidas na história do clube. Por influências que certamente não fizeram bem para a nossa comunidade", alegou o presidente, relembrando-se de recentes acusações de corrupção.

Em uma de suas primeiras medidas como presidente eleito, Leco incluirá o ídolo Raí, bicampeão da Libertadores (1992 e 1993) e campeão mundial (1992) pelo São Paulo, como um dos três membros independentes do Conselho de Administração.


Compartilhe: